terça-feira, 28 de julho de 2009

"O quê? Você também! Pensei que eu era o único!"*


Por que Na sala de espera do mundo?

Clive Staples Lewis, ou simplesmente C.S. Lewis, é um dos autores mais influentes na minha vida. Ele é mais conhecido por ter escrito As Crônicas de Nárnia, uma série de 7 livros infanto-juvenis, mas que entretêm adultos da mesma maneira. Jack, como ele próprio escolheu ser chamado aos 4 anos, também é autor de outras obras de ficção, além de várias sobre apologética e vida cristã, e todos elas estão recheadas de verdades que, quando você lê, se pega pensando: "Caramba! Não é que é mesmo?"

Se querem entender um pouco mais por que os fãs de Lewis são sempre do tipo de carteirinha, aqui está uma estorinha. Uma vez eu me perguntei se haveria alguém que não gosta de C.S. Lewis (além do Phillip Pullman e do Neil Gaiman, é claro). Pesquisei no Google e achei uma moça americana que parecia muito chateada com ele. Em seu blog, ela dizia que o C.S. Lewis a irritava profundamente, porque toda vez que ela tinha uma boa ideia sobre algo e ia fazer uma pesquisa para começar a escrever sobre o assunto, ela descobria que Lewis já havia escrito sobre aquilo, colocando as ideias de uma maneira infinitamente melhor do que ela poderia imaginar. Assim é o Jack!


Mas eu estou aqui para explicar o nome do blog. Pois é. Lewis se referia à nossa vida na Terra como um tempo passado numa sala de espera, enquanto aguardamos a verdadeira Vida, que vai começar após nossa passagem para o próximo mundo. Some a isso o fato de que a banda Sixpence None The Richer, uma das minhas favoritas, tem uma música chamada The waiting room e voilá - eis o nome do blog. Aliás, devo mencionar aqui a Glorinha de novo, porque foi o nome do blog dela - Bela decepção - que me levou a escolher este aqui para o meu.

Então, enquanto estamos aqui nesta bela sala de espera, vamos tentar tornar a vida mais interessante!


*Frase retirada de uma citação de C.S. Lewis, que, completa, diz: "A amizade nasce no momento em que uma pessoa diz para a outra: 'O quê? Você também! Pensei que eu era o único!'" Viram como ele diz um monte de coisas legais e que pareciam óbvias, mas ninguém mais o disse antes?

3 comentários:

Morpheu disse...

Tao bonitinha com um blog =P

depois eu comento do post!
Agora quis deixar a minha marca como sendo o primeiro comentario =P

Glória disse...

É mesmo. Por exemplo aquela frase que "o Filho de Deus se fez homem para que os homens pudessem ser filhos de Deus". Você sempre fica com a cara de "é... é mesmo. Poxa! Que sacada inteligente!".

E eu fui mencionada de novo! Uhul =D

Debby disse...

Nossa, adorei a sua escolha para nomear o blog!
O Lewis é um daqueles caras que nos matam de inveja, pois não conseguimos ser tão precisos quanto ele!
Gosto muito da citação do final do post, ela é uma das desrições sobre a amizade mais completas que já vi!

Bjoks